Sábado, 28 de Maio de 2022 03:50
(71) 99256-3530
POLÍTICA APOIO

Acampamento indígena recebe apoio dos deputados Waldenor e Zé Raimundo

Encontro reúne mais de mil visitantes

28/04/2022 14h27
140
Por: Redação Fonte: Ascom/DEP. Waldenor
Foto: Elcie Quadros
Foto: Elcie Quadros

Os deputados petistas Waldenor Pereira e Zé Raimundo visitaram o 4º Acampamento dos Povos Indígenas da Bahia, em Salvador, no segundo dia do movimento que acontece até a próxima sexta-feira (29). O encontro, iniciado na segunda-feira(25), reúne mais de 1.000 participantes de aldeias de todas as regiões do Estado, que ocupam o Centro Administrativo da Bahia (CAB). 

Os deputados reafirmaram o apoio às pautas defendidas pelos povos, como também através de suas emendas parlamentares, destinando recursos no valor de 400 mil para atividades desenvolvidas através do Movimento Unido dos Povos e Organizações Indígenas da Bahia (Mupoiba), que reúne 143 comunidades indígenas de 22 etnias.

Waldenor Pereira ressaltou o apoio às pautas indígenas, que incluem temas como demarcação dos Territórios Indígenas (TI), saúde, educação, violações dos direitos, política indigenista e outras temáticas. Como membro da Comissão de Educação da Câmara Federal, onde presidiu o Núcleo de Educação do PT no Congresso Nacional, se dirigiu aos professores indígenas também como colega, sendo ele professor licenciado na UESB- Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia, onde foi reitor por duas vezes. 

Em seu pronunciamento no acampamento, o deputado Waldenor fez duras críticas ao Governo Federal: "O povo indígena, no Brasil e na Bahia, tem sofrido muito com esse governo genocida de Bolsonaro, pois atenta contra  conquistas históricas dos povos originários e prática uma política nefasta contra o meio ambiente". Mas a vida dos povos indígenas no Brasil tem se caracterizado como vida de resistência, como ressaltou o parlamentar, que parabenizou os participantes pela mobilização e a programação do acampamento. 

Também ao manifestar o seu apoio, o deputado estadual Zé Raimundo (PT) citou a chegada dos portugueses no Brasil, quando começou a se inscrever aqui uma história de destruição da cultura e dos povos indígenas. Mas agora, reforçou, é preciso fazer o caminho de retomada do fortalecimento da identidade indígena. "Eu me coloco à disposição como cidadão, como educador e como deputado, ao lado do deputado federal Waldenor Pereira, para que a gente possa somar esforços no caminho de volta, de retomada da cultura dos povos originários", declarou.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias