Sábado, 28 de Maio de 2022 04:40
(71) 99256-3530
SAÚDE PERIGO

Após morte nos EUA Anvisa pede recolhimento de 5 marcas de fórmulas para bebês

Veja abaixo como detectar lotes a serem devolvidos

23/03/2022 16h10 Atualizada há 2 meses
338
Por: Redação Fonte: G1
Foto: Anvisa/Divulgação
Foto: Anvisa/Divulgação

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) pediu nesta quarta-feira (23) o recolhimento de fórmulas para bebês de cinco marcas internacionais. A decisão ocorre após internação e morte de recém-nascidos ocorrerem nos Estados Unidos e um alerta emitido pela FDA, reguladora americana.

Os produtos são das seguintes marcas:

  • Human Milk Fortifier

  • Similac PM 60/40

  • Similac

  • Alimentum

  • EleCare

Precisam ser recolhidas unidades dos produtos com um número de "vários dígitos na parte inferior da embalagem, começando com os dois primeiros dígitos entre 22 e 37, contendo K8, SH ou Z2, e com data de validade 1º de abril de 2022 ou posterior", explica a Anvisa.

"O recolhimento ocorre após a Administração de Alimentos e Medicamentos (Food and Drug Administration – FDA), agência reguladora dos Estados Unidos, iniciar uma investigação sobre quatro internações de lactentes (bebês com menos de seis meses de idade) com um óbito, após o consumo de tais produtos", disse a reguladora brasileira.

Mortes e internações

A FDA ainda está apurando as informações sobre quatro internações de bebês e uma morte ocorridas após o consumo das fórmulas infantis. Três crianças tiveram infecção pela bactéria Cronobacter sakazakii e, outra, pela Salmonella Newport.

A agência americana diz que, até o momento, detectou vários resultados positivos de Cronobacter em amostras ambientais colhidas nas instalações da Abbott Nutrition, localizadas na cidade de Sturgis, nos Estados Unidos. A companhia é responsável pelos produtos citados.

Como medida preventiva, a Anvisa publicou uma resolução proibindo a importação, a comercialização, a distribuição, a propaganda e o uso das fórmulas infantis em pó das marcas.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias