Sexta, 17 de Setembro de 2021 10:46
(71) 99256-3530
Dólar comercial R$ 5,31 0.912%
Euro R$ 6,25 +0.944%
Peso Argentino R$ 0,05 +0.786%
Bitcoin R$ 267.624,78 +2.269%
Bovespa 113.794,28 pontos 0%
ECONOMIA AUXÍLIO

Guedes já admite prorrogar auxílio emergencial por até três meses

Em conversas reservadas, ministro da Economia pondera, contudo, que a eventual prorrogação deve ser seguida pelo novo Bolsa Família

07/06/2021 15h54
386
Por: Redação Fonte: Metrópoles
Foto: Igo Estrela/ Metrópoles
Foto: Igo Estrela/ Metrópoles

O ministro da Economia, Paulo Guedes, já admite, nos bastidores, topar a prorrogação do auxílio emergencial por até três meses, de agosto a outubro.

Segundo auxiliares, o chefe da equipe econômica reconhece que, se os números da pandemia seguirem ruins, a extensão do benefício será inevitável.

Em conversas reservadas, Guedes pondera, contudo, que a eventual prorrogação deverá ser seguida pelo lançamento do novo programa social que substituirá o Bolsa Família.

A atual etapa do auxílio emergencial começou a ser paga em maio deste ano e terá três parcelas, que acabarão em julho. O valor médio do benefício é de 250 reais.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias