Domingo, 18 de Abril de 2021 00:09
(71) 99256-3530
POLÍTICA GUEDES

Guedes: “Se for empurrar o Brasil pelo caminho errado, prefiro sair”

Ministro da Economia afirmou que enquanto sentir que está ajudando o país, não deixará o cargo

02/03/2021 14h35
265
Por: Redação Fonte: Metrópoles
Foto: Isac Nóbrega/PR
Foto: Isac Nóbrega/PR

O ministro da Economia, Paulo Guedes, afirmou em participação no podcast Primocast, divulgado na manhã desta terça-feira (2/3), que é “demissível em 30 segundos”, mas que enquanto sentir que está ajudando o Brasil deve continuar à frente da pasta. Ele ainda declarou que ofensas não o tirariam do cargo.

“Se ele [Jair Bolsonaro] não confiar, eu sou demissível em 30 segundos. Se eu estiver conseguindo ajudar o Brasil, fazendo as coisas em que eu acredito, eu devo continuar”, afirmou o ministro.

“A ofensa não me tira daqui. O medo, o combate, o vento, a chuva, isso não me tira daqui de jeito nenhum. O que me tira daqui é a perda da confiança do presidente ou ir para o caminho errado. Se eu tiver que empurrar o Brasil pelo caminho errado eu prefiro não empurrar, eu prefiro sair. Isso não aconteceu”, completou.

O comentário foi feito após semanas de fogo cruzado no governo, em que foi anunciada a troca do presidente da Petrobras. Surgiram especulações de uma possível demissão do presidente do Banco do Brasil, André Brandão, entre outras movimentações na equipe econômica.

Na conversa, o ministro também desabafou e disse que “piratas privados estão colocando boato no jornal todo dia, dizendo que o ministro vai cair, ministro brigou com presidente, presidente brigou com o ministro”. “Tem políticos que querem contribuir com o futuro do Brasil, mas tem um pedaço que é o pântano”, declarou.

Guedes ainda se mostrou preocupado com o endividamento público e disse que se fizer algo errado, Brasil pode virar Argentina em seis meses e Venezuela em um ano e meio.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias