Sexta, 18 de Setembro de 2020 04:47
77 98103-4200
SERVIÇO ATIVIDADE FÍSICA

Proprietários de academias vão descumprir decreto e reabrir estabelecimentos em Guanambi

Na nota, os proprietários afirmaram que a prefeitura tem descriminado o setor ao permitir o funcionando de lojas, consideradas atividades não essenciais, e não permitir o funcionamento das academias.

02/08/2020 19h45 Atualizada há 2 meses
323
Por: Aloísio Costa Fonte: Agência Sertão
As atividades estão suspensas desde a última terça-feira (28), por determinação da prefeitura de Guanambi. Foto ilustrativa.
As atividades estão suspensas desde a última terça-feira (28), por determinação da prefeitura de Guanambi. Foto ilustrativa.

Por meio de nota conjunta publicada nas redes sociais, proprietários de cinco academias de atividades físicas de Guanambi afirmaram que irão descumprir o decreto municipal que proíbe o funcionamento dos estabelecimentos e irão reabrir a partir desta terça-feira (4).

As atividades estão suspensas desde a última terça-feira (28), por determinação da prefeitura de Guanambi. O fechamentos das academias é uma das medidas adotadas pelo poder público para tentar diminuir a propagação do coronavírus na cidade.

Na nota, os proprietários afirmaram que a prefeitura tem descriminado o setor ao permitir o funcionando de lojas, consideradas atividades não essenciais, e não permitir o funcionamento das academias. Eles argumentam que “as academias são centros que promovem a saúde e bem-estar e vem adotando todas as medidas de profilaxia”, alegando ainda que profissionais de Educação Física são classificados como de áreas de saúde.

Por fim, os responsáveis pela nota ressaltaram que não há estudos científicos que indicam que as academias são espaços mais favoráveis para o contágio ao coronavírus, comparado com bares, festas particulares e filas de banco.

A prefeitura de Guanambi editou um decreto no dia 24 de julho estabelecendo a suspensão de todas as atividades consideradas não essenciais. No entanto, a medida não teve efeito prático. Sem fiscalização efetiva, boa parte dos comerciantes abriram normalmente seus estabelecimentos.

Na sexta-feira (31), o prefeito Jairo Magalhães voltou atrás e editou um novo decreto permitindo novamente a abertura das lojas, salões de beleza e centros de estéticas. Bares, restaurantes e lanchonetes tiveram permissão para funcionar apenas por serviço de entrega. Academias continuaram impedidas de funcionar.

Procurada pela reportagem da Agência Sertão, a assessoria da prefeitura de Guanambi não se manifestou sobre o teor da nota das academias.

Segundo o parágrafo 6º do artigo 1º do decreto municipal, eventos esportivos, academias,boates, cinemas, espetáculos de qualquer natureza, shows, atividades de clubes de serviço, lazer e similares estão suspensos no município. O mesmo regulamento estabelece que quem descumprir as determinações estará sujeito às penalidades previstas no código de Código de Polícia Administrativa do Município de Guanambi e sanções nas esferas civil ou criminal.

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
-
Atualizado às 21h00 - Fonte: Climatempo
°

Mín. ° Máx. °

° Sensação
km/h Vento
% Umidade do ar
% (mm) Chance de chuva
Amanhã (19/09)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. ° Máx. °

Domingo (20/09)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. ° Máx. °

Ele1 - Criar site de notícias